Saiba Dizer Não é Realizado em Santa Catarina

foto 3

 

No último sábado, dia 25 de janeiro, aconteceu em todo o Brasil o SAIBA DIZER NÃO, e aqui em Santa Catarina não foi diferente. O evento foi realizado no Centro Sul, em Florianópolis, teve início às 14hs. Milhares de jovens de todas as idades, e de todos os municípios do estado compareceram no local.

Tudo começou com a oração realizada pelo Bispo Carlos Alberto, em favor de todos os que eram dependentes químicos, e pelos familiares dos presentes. Willian e Giovane de Lara, ambos pela primeira vez em um evento da Força Jovem Universal comentaram que o SDN superou suas expectativas e que vão levar na bagagem de volta a suas casas o que aprenderam hoje.

Foi uma tarde com muitas atrações, entre elas os grupos de dança The Boys, Vitor The Boys e Exercito de Deus. Também esteve presente a Banda F12, e a Banda Trindade. E vindo do Rio De Janeiro, o cantor Paulo Ricardo com uma sequência de músicas que tirou a galera do chão. A companhia de Teatro da Capital, também marcou presença com a peça “O Manipulador”.

Em entrevista ao pastor Marcus Oliveira, coordenador da Força Jovem Universal Catarinense, ele falou da importância desse evento para a juventude: “É importante que o jovem aprenda a dizer não, pois é dessa forma que ele mostra sua força. Esse evento é para ensinar o jovem a dizer não para as coisas erradas que o prejudicam, principalmente o crack”.

O Bispo Carlos Alberto e o Bispo Jeronimo Alves também presentes nesse grande evento ressaltaram que é de suma importância saber dizer não ao crack, porque a felicidade existe sem as dependências químicas. E que é através de um movimento como esse que os jovens que estão perdidos nesse mundo se aproximam de Deus, se afastam do mal e voltam ao convívio social.

Com certeza o SDN ficará guardado na memória daqueles que estiveram presentes, e o melhor de tudo é que esse é apenas o primeiro movimento de muitos que serão realizados. Fique ligado nas redes sociais para ficar por dentro do que vai acontecer.

foto 1

 

Por: Mariana Alves

 

Este Post Há 0 Comentários

Deixe uma resposta